Conheça a história das balsas que faziam a travessia antes da construção da primeira ponte do Guaíba

É provável que muitos não saibam que, por muito tempo, a ligação da Capital com o sul do Estado se deu através de balsas, que partiam do cais da Vila Assunção em direção à cidade de Guaíba.

Administrado pela Cia. de Navegação Pedras Brancas, o serviço encontrava-se bastante deteriorado no começo dos anos 1940, tanto que, em média, apenas dois veículos faziam a passagem por semana.

Por isso, não foi surpresa quando o Daer assumiu a travessia em 1941, adquirindo barcos mais velozes. A qualificação fez com que o movimento crescesse rapidamente, de tal modo que, em 1953, cerca de 600 veículos e mais de mil passageiros cruzavam o Guaíba a cada dia, em viagens que duravam 20 minutos.

Esse aumento do tráfego fez com que o Daer cogitasse a substituição de barcas por pontes não só na travessia entre a Capital e Guaíba, mas também no interior do Estado.

Para ler a matéria toda, clique aqui:

https://gauchazh.clicrbs.com.br/cultura-e-lazer/almanaque/noticia/2021/01/conheca-a-historia-das-balsas-que-faziam-a-travessia-antes-da-construcao-da-primeira-ponte-do-guaiba-ckjn6v05c0007019wtx1h3t4r.html

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *